Brand Identity

31
jan

GLOSSÁRIO TEMÁTICO DA AGÊNCIA NACIONAL DA SAÚDE SUPLEMENTAR

O Projeto de Terminologia da Saúde é uma iniciativa da Coordenação-Geral de Documentação e Informação (CGDI/SAA/SE/MS). O setor atua no desenvolvimento dos principais instrumentos que possibilitarão o alinhamento da produção literária, documental e normativa da esfera federal do SUS. Assim, os principais instrumentos são: o tesauro, o siglário e os glossários temáticos que constituem o Glossário do Ministério da Saúde.

Read more

10
jan

CONSULTA PÚBLICA SOBRE DISPOSITIVOS MÉDICOS DE USO ÚNICO OU REUTILIZÁVEIS

A Anvisa abriu, no último dia 8 de janeiro de 2019, Consulta Pública 584 “para receber comentários e sugestões sobre o texto da proposta de resolução que trata do enquadramento de dispositivos médicos como de uso único ou reutilizáveis”. Observando algumas condições de segurança para garantir eficácia, funcionalidade e assim maior vida útil, alguns materiais podem ser reutilizados ou reprocessados.

Read more

18
dez

RESPONSABILIDADE CIVIL NA ÁREA MÉDICA E ODONTOLÓGICA: Uma análise estatística da jurisprudência do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná

O desenvolvimento da relação médico-paciente, bem como, das tecnologias e procedimentos médicos promoveram toda uma transformação nas formas como ocorre essa relação jurídica. O reconhecimento da autonomia do paciente, a busca por uma relação dialogada, intermediada pelo princípio da informação, não só exigem um relacionamento mais humanizado, mas impõem também uma série de deveres e obrigações jurídicas, antes consideradas meros

Read more

12
dez

MANUAL DE GERENCIAMENTO E ASSISTÊNCIA AO IDOSO

De acordo com dados do IBGE desde ano, a expectativa de vida do brasileiro deve saltar de 76,2 para 81 anos. Tal mudança do perfil demográfico faz com que se repense sobre o atual sistema de saúde. “As doenças dos idosos são crônicas e múltiplas, perduram por vários anos e exigem acompanhamento médico e equipes multidisciplinares permanentes e internações frequentes.

Read more

12
dez

MANUAL DE EFETIVIDADE E PRÁTICAS CONTRA O DESPERDÍCIO

Tendo como eixo principal “Eficiência como combate ao desperdícios irá transformar o sistema de saúde”, o livro reúne vários artigos apresentados durante o 6º Congresso Nacional de Hospitais Privados (Conahp).  A partir da temática buscou-se “soluções para um sistema de saúde mais ético e transparente, repensando o modelo de atenção à saúde praticado no país. Como entidade representativa do setor,

Read more

12
dez

GENÉRICOS E SIMILARES OCUPAM 65% DO MERCADO NACIONAL

Juntos, esses medicamentos somaram 2,9 bilhões de caixas vendidas em 2017. Os dados confirmam um fato importante: a participação dos medicamentos genéricos e dos similares (que atendem às mesmas exigências regulatórias que os genéricos) no mercado nacional coloca o Brasil em nível próximo ao de países como os Estados Unidos (EUA) e o Canadá. Leia a matéria na íntegra.

4
dez

TCDF: PRÓTESES COMPRADAS EM ESQUEMA PODERIAM “QUEBRAR” EM PACIENTES

Auditoria aponta que os materiais adquiridos em contrato alvo de investigação do MPDFT estavam incompletos e eram “inservíveis”  Em relatório, técnicos do Tribunal de Contas do Distrito Federal identificaram vários materiais hospitalares em péssimas condições de uso e alertam sobre esquema de corrupção. “Se a aquisição das OPMEs houvesse sido feita com base em demanda efetiva e planejamento adequado não

Read more

12
nov

CIRURGIA BUCOMAXILOFACIAIS: PARÂMETROS E RECOMENDAÇÕES

Baseado em evidências científica, Parâmetros e Recomendações para Procedimentos Bucomaxilofaciais, é um documento que procura guiar, eticamente, a atividade cirúrgica e traumatológica bucomaxilo-faciais da ondontologia. A intenção de tais parâmetros e recomendações é que se tornem basilares na tomada de decisão quanto ao tratamento clínico a ser seguido. Além disso, a proposto é que o documento estenda-se a todos os

Read more

12
nov

GUIA DE FUNCIONAMENTO DAS OPERADORAS DE

Toda e qualquer operadora de planos de saúde para funcionar como tal precisa obter uma autorização de funcionamento na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Após a entrega dos documentos, a ANS, criteriosamente, irá analisá-los. Sendo favorável, a Agência irá emitir o número de registro da operadora para a mesma iniciar a inscrição dos produtos a serem comercializados. Posterior a

Read more

6
out

JUDICIALIZAÇÃO NA SAÚDE SUPLEMENTAR

De modo geral, as pessoas têm acionado cada vez mais o poder judiciário reivindicando direitos negligenciados ou não pactuados pelas operadoras. Neste contexto, foi divulgado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar um estudo, no âmbito do Programa Parceiros da Cidadania, sobre o perfil das demandas judicializadas na saúde suplementar. Conheça mais sobre a pesquisa.